A lembrar as histórias das Mil e Uma Noites

4 Oct

O primeiro amor 1 recortado

Gostaria de ter ido ouvir Tahar Ben Jelloun explicar a Primavera Árabe à Fundação Calouste Glubenkian o ano passado, no âmbito do Programa Próximo Futuro. Mas por razões que não me recordo agora, faltei precisamente nesse dia.

Por isso, decidi não perder mais nada, e uma semana depois corri a comprar o livro que o escritor marroquino apresentaria também na altura, O Primeiro Amor é Sempre o Último (de 1995), por estar a ser lançado em Portugal.

Foi ‘amor à primeira página’! E à medida que as passava, senti-me cada vez mais fascinada por  aquela escrita viva e vibrante. Rendida a cada um dos seus contos – uns divertidissimos, outros sérios, outros ainda carregados de astúcia – até ao vigésimo primeiro e último

E por vezes, muitas, senti-me transportada para a minha infância. Para os livros que li e que me leram, pois havia – há – naquelas narrativas qualquer coisa de histórias das Mil e Uma Noite.

Penso que foi essa a grande inspiração de Tahar Ben Jelloun. Apoiando-se também na sucessão dos dias dos magrebinos, no seu país de origem, Marrocos, e em França, onde vive, para falar-nos de amor, sexualidade, prazer e dor.

Mas também da dificuldade de comunicação entre homens e mulheres árabes, da incompreensão e da solidão.

São prosas que nos conduzem pela poesia. Histórias que nos fazem viajar de Marrocos à Jordânia, por Paris e Londres.

É possível que haja um conto eleito para cada um que ler este livro de Tahar Ben Jelloun. Eu gostei particularmente de três, mas sobretudo do que dá o nome à obra: O primeiro amor é sempre o último, deixando-vos aqui uma passagem dele:

“… Procuro dormir. Tenho frio. É o medo de nunca conhecer o amor. Um torpor pesa no meu peito. Vou cair e não vou encontrar nada a que me agarrar. É o vazio. O corpo esvazia-se (…). Com o lençol entre os dentes, as mãos colocadas sobre o ventre nú, fecho os olhos.”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: