Voltei à sala de cinema

20 Feb

Her

Quando há semanas li a crítica no Guardian, prometi ir ver Her (em português, Uma História de Amor) logo que chegasse às salas de cinema. Aliás, cheguei a programar vê-lo durante a Semana Óscares Metroplis já que constava da lista de pré-estreias, (na altura vi Um Quente Agosto, de que vos falei aqui), mas à última hora não concretizei o meu plano. Finalmente, ontem fui ver o novo filme de Spike Jonze, que mais uma vez nos traz o tema da solidão contemporânea (já o havia feito em os Inadaptados, de 2002, por exemplo).

Em Los Angeles num futuro próximo um escritor de cartas solitário (papel interpretado pelo ator por Joaquim Phoenix) apaixona-se pela voz do seu novo sistema operativo (a voz de Scarlett Johansson). Mas Theodore Twombly não está sozinho. Outros homens e outras mulheres estão nesse preciso momento a passar por relações idênticas. O que se passa com a humanidade? Terá ela perdido a capacidade de lidar com emoções reais? Cómico ou depressivo? Cabe a cada um decidir. Dá que pensar! Vale a pena ver! Eu adorei!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: