Comida em dia de chuva

31 Mar

iogurte soja

tangerinas

Já fiz tanta coisa, hoje! E só me apetece falar de comida. Das minhas misturas de iogurte de soja natural com muesli, nozes, mirtilos e mel. Foi assim o meu lanche ainda há pouco, enquanto sol e chuva gladiavam-se lá fora. Uma taça enorme cheia destas coisas boas, que ficam tão bonitas numa taça de vidro ou de cerâmica. Antes houve frutos de agricultura biológica, comprados no Miosotis, com sabor a infância. Tangerinas com o sabor das tangerinas que a minha mãe me dava ‘gomo a gomo’ com a paciência própria das mães. E cuidados próprios de quem ama. Nesses tempos eu não gostava de comer, se me deixassem alimentava-me só de frutos. Mas já gostava de histórias. E então a minha mãe contava-me uma ao almoço e outra ao jantar. E distraindo-me assim, mais ou menos, fazia-me comer uma colher de sopa de legumes (eu detestava a de feijão verde, ainda hoje não gosto muito dela). E outra de carne disfarçada no arroz (deste eu gostava mais). Viciei-me em histórias com as histórias da minha mãe, muito cedo. Mas esperei muitos anos até ser conquistada pela comida. O meu mais recente prazer.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: