Das caminhadas

13 Mar

Onde as flores crescem

Eu adoro ir ao ginásio, fazer exercício físico. Fazer as aulas de cycling e de Pilates, e antes entregar-me de corpo e alma ao treino. Mas as atividades outdoors têm, de facto, uma enorme vantagem: a de nos permitir sentir o sol e o vento no rosto, respirar o ar mais límpido e o contacto com a Natureza ou bocados dela. Esta semana não consegui ir um dia ao ginásio, mas em contrapartida tenho feito imensos percursos a pé, a passo bem apressado, de manhã e à tarde. E porque os dias têm sido quentes e luminosos, uma vivência assim tão depurada têm-me enchido os ‘pulmões e o coração’. Embora não pense deixar de ir ao ginásio, de todo, cheguei à conclusão que de vez em quando faz todo o sentido vir para a rua exercitar os músculos de alguma forma – fazer uns alongamentos ao sol, longas caminhadas ou correr. E à boleia de tudo isto, revisitar lugares, absorver a serenidade dos jardins e dos recantos onde as flores crescem.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: