Primeiro dia de primavera.

20 Mar

 

Primavera, o primeiro diaChegou assim, com muitas caras, a primavera. E com um eclipse que eu não vi. De manhã atravessei Lisboa ao sol, tive calor a sério, perdi-me numa multidão que não é habitual. Princípio de férias nas escolas, ou apenas alunos nas ruas a festejar a chegada da nova estação? Turistas à descoberta da cidade em várias línguas. Cor, som, vida.

Este é o tempo das árvores em botão. E dos primeiros tecidos leves que se misturam com os casacos e botas, o que faz das ruas montras de todas as estações. É tempo de primavera, e quase Páscoa e oliveiras.

Mas sobretudo é tempo de vida, de vontade de viver para além de todos os obstáculos. Despertamos do grande sono de inverno renovados. Com esperança, apesar de qualquer coisa. Das incertezas e perdas. Queremos ver realizados os sonhos alimentados nas longas noites de chuva e vento lá fora.

Queremos envolver-nos profundamente em tudo, connosco e com os outros. Queremos finalmente alcançar, alcançar o que quer que seja para cada um de nós. Talvez seja agora na primavera. Talvez seja agora. Talvez seja chegado o meu tempo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: