The best of summer 2016

7 Sep
?

Padrão dos Descobrimentos, Lisboa

?

Belém com Tejo ao fundo, Lisboa

?

Domingo escaldante no Guincho

?

Novo plano da praia da Bafureira, linha de Cascais

por-do-sol-para-os-lados-do-tamariz

?

Lua cheia sobre a praia. Dois planos do anoitecer para os lados do Tamariz, linha de Cascais

?

Mertola: os dias e os serões na província

mertola-seroes-na-provincia

?

Lazy days (ou doce preguiça)

Encher os olhos de paisagens de campo e de mar, absorver os cheiros à minha volta, tocar as árvores, a areia e o sal. Mergulhar no Atlântico a qualquer hora do dia, anoitecer na praia. Sentir. Sentir a Natureza, e esquecer por uns dias todo o resto – as frustrações, as lutas, os projetos mal concebidos, a necessidade de desenhar novos.

Atravessei agosto assim, neste quase descuido ameno. Sorvendo as coisas boas que iam acontecendo naturalmente com sabor a férias, nestes cenários marítimos e rurais ou cosmopolitas.

Não desperdicei um único convite dos amigos para uma ida à praia, para um passeio ou uma festa. Rumei para sul com saudades da família sempre que o coração me mandou, e passei longas horas em casa com livros.

O melhor do meu verão também é feito de leitura! – consegui ler cinco títulos só em agosto. O resto é mesmo esta mistura de experiencias de mar e terra, vividas com todos os sentidos!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: