Tag Archives: aceitação

As 5 fases do luto

20 Sep

O mar recortado

Depois da perda há o luto. Após um divórcio ou uma situação de desemprego, duas das perdas mais comuns dos nossos dias, é natural passar-se por um período de sentimentos controversos “enquanto nos preparamos para novas conquistas.”

Quem o diz é a psicóloga clínica Ana Almeida, lembrando que “a força do impacto destes acontecimentos depende”, em grande parte, do “grau de dependência emocional e/ou financeira”. Ou seja, da situação de desamparo que é gerada”.

Diz ainda que quando o processo de luto é saudável, a pessoa passa por estas cinco fases:

• Negação: pode durar minutos ou horas. Fica-se em ‘estado de choque’, incrédula. (Vou mesmo divorciar-me?! Vou mesmo ser despedida?! ) Neste período tende-se a negar a realidade, desmentindo-a (está a brincar comigo, isso não é verdade) ou silenciando-se.

• Raiva: dá-se livre expressão à zanga e à raiva, falando do assunto e dizendo a toda a gente como se sente injustiçado e zangado (com os patrões, o marido, deus) por ter permitido ou desencadeado o acontecimento.

• Negociação: a pessoa tentar concentrar-se em eventuais ganhos que aquela perda tenha trazido, e tenta arranjar forma, internamente, para se sentir mais em paz com o acontecimento (também há negociações práticas: a divisão de bens com o marido, a guarda dos filhos; a indemnização com a empresa)

• Depressão: período de um certo abatimento natural. Sentimentos de tristeza, desamparo, culpa, falta de esperança e medo são frequentes e podem deixar marcas profundas. Chora-se mais, sente-se a perda, de forma mais profunda, como um vazio.

• Aceitação: um maior distanciamento em relação à perda permite olhar a vida antes e depois do acontecimento, e perceber os ganhos e as perdas para si próprio e para outros. Volta a sentir-se esperança e, lentamente, começa-se a reorganizar a nova vida de divorciada e/ou desempregada.

Advertisements
%d bloggers like this: